25 março 2013

Cinema & Cinéfilos no Varal do Brasil.


Cinema & Cinéfilos.
Essa coluna começa hoje e é para quem gosta mesmo de cinema, seja um lançamento, um  filme candidato a todos os prêmios internacionais, seja um filme que quase ninguém conhece e está ali num canto da locadora, pronto para ser um sucesso na sua vida. Por que o cinema tem o poder de tomar você pela mão e viajar por outros universos,  realizar os feitos mais impossíveis, fazer você sorrir, chorar, ter novas idéias, se  inspirar. E veja, aqui não faremos crítica, boa ou  má. Mas comentários sobre algum  filme que mereça o nosso olhar, a nossa atenção, que tenha um tema interessante a ser debatido. Então, pegue a pipoca e se ajeite.  A sessão já vai começar.



                                               poster de divulgação do filme


                            Quem já não teve um sonho roubado?


Talvez você já tenha tido um sonho roubado. Se isso aconteceu, voltou a sonhar com alguma outra coisa, por que sem sonhos ninguém consegue nem  dormir.  Nem viver.
Mas ter todos os sonhos roubados, é o que pode acontecer com meninas de periferia,  quando  vivem  sem recursos para estar na escola, sem cuidado da família, sem assistência social . Meninas que precisam se prostituir  para comprar um xampú ou um refrigerante, uma saia barata, para ter roupa nova.  Ou  simplesmente para comer e ajudar a sustentar a casa. Meninas que tiveram gravidez precoce e que   na adolescência já  tem outras meninas para criar . Meninas molestadas e silenciadas por medo e pela  própria necessidade de amparo,  mesmo que seja um amparo cheio de perversão.  Meninas assim,  estão no filme” Sonhos Roubados”, de Sandra Werneck. ( a mesma diretora de Cazuza, o tempo não pára”) e de uma extensa e bonita filmografia que inclui diversos documentários importantes, como o  “Meninas” que trata da gravidez adolescente.
É com esse olhar quase jornalístico e um tanto poético, que Sandra Werneck cria essa atmosfera dura e lírica , ao focalizar meninas de subúrbio descobrindo a vida de um jeito que não gostaríamos para as nossas crianças.
Nanda Costa está excelente como “Jéssica”,  adolescente-mãe,  prostituta eventual,  batalhadora  por um lugarzinho ao sol,  à sua maneira. Tão excelente que dá para desconfiar das línguas ferinas que não a aceitam como protagonista da novela  das 21h de Gloria Perez. Parece despeito, ou quem sabe, orgulho das veteranas- o lugar  não pode ser de uma menina que acabou de chegar? Nem tão verde.  Ela mostra segurança e firmeza ao tomar pela mão o desamparo de Jessica e  transformá-lo em valentia, quando faz dele,  nada de dramas, apenas a vida para levar.
Inocência perdida, mas nem tanto, é a de Daiane,   a excelente Amanda Diniz, abusada  desde sempre, pelo marido da tia que a acolheu.  Uma menina que  quer realizar a tão sonhada  festa de 15 anos, para dançar a valsa com pai que ela conhece,  mas que até então, nega essa paternidade.  E para completar o trio, a intensa Sabrina, de Kika Farias.
No fim tudo há de dar  certo, por que tanta juventude ainda por  desabrochar,  é força vital.  E tende a superar  a  realidade tão  dura. Quem pode tomar um sorvete e sorrir como se o momento fosse eterno,  é capaz de aliviar  marcas  profundas. A receita de felicidade pode estar no carinho das amigas, e na mão amiga  de uns e outros na comunidade, quando é possível  fazer uma substituição do que não se teve, por aquilo que dá  para  agarrar no aqui e agora.
Marieta Severo, como sempre faz,  da um show  de humanidade no papel da cabelereira,  Nelson Xavier brilha só de entrar na tela,  Daniel Dantas encarna o ingrato personagem do molestador. Aquele que já ganha antipatia de primeira.  E Lorena Cruz ,  é precisa na sua interpretação. Que elenco mais lindo.
O filme,  de 2009, é  posterior ao documentário “Meninas”,  também de Sandra Werneck. . E certamente que leva essa olhar experiente de quem sabe contar as coisas do jeito que elas são. Sem chocar , sem maltratar mais do que a vida já se encarrega. 
É cativante cada sorriso desse enredo.  Assista sim  . E prestigie um filme brasileiro na locadora mais próxima. Pegue na estante: “Sonhos Roubados”.  O cinema nacional precisa da nossa atenção e da nossa importância, para conseguir mais verbas, para produzir mais , para brilhar como merece.  E ver seus sonhos realizados.

Ficha Técnica:

SONHOS ROUBADOS, 2009
Direção de Sandra Werneck

Com: Jéssica (Nanda Costa), Daiane (Amanda Diniz) e Sabrina (Kika Farias).
Nelson Xavier, Marieta Severo, Daniel  Dantas e  Lorena Cruz.


                  Nossa Cinéfila de estréia: Tiça Magalhães.

                              Tiça Magalhães e seu amigo querido, do Solar.

Tiça Magalhães é uma das Chefs mais requisitadas no cenário brasileiro, seja para realizar grandes jantares , para dar aulas ou para fazer o que ela gosta mais ainda-  “abaixa tia”, e ela atende para  levar um beijinho. Há pouco mais de dois anos, todas as segundas-feiras, Tiça recruta seis
voluntários ( em geral “gente rica”) para ajudar em uma atividade gastronônica no  “Solar Meninos de Luzhttp://www.meninosdeluz.org.br/ , na favela do Pavãozinho. Ali ela ensina às crianças a gostarem de comida vegetariana. Uma excelente pedida para quem não pode ter carne todo dia na mesa. Um excelente pedido: preservem a natureza. É por que comemos carne, que mais árvores são derrubadas para virar pasto... Assim gira o  mundo , ou deixa de girar. 
Nossa entrevistada  morou anos no Havaí e conhece os quatro cantos do planeta,  tem sete livros de gastronomia  contemporânea publicados pela Paz e Terra. O oitavo está a caminho. E a renda? Vai em grande parte para” os meninos do Solar”.  E combina com o filme de estréia dessa coluna:  Tiça dá de si, para que tenhamos um país menos carente de recursos, de informação, de formação.  Aí vão suas preferências de cinéfila:
Filme preferido:
“ São tantos, mas tem um, que um dia fui fazer um cardápio e fiquei assistindo :  “Antes de Partir” com Jack Nicholson e Norman Freeman, os dois estão morrendo   e finalmente decidem aproveitar a vida.”
Primeiro filme que assistiu  no cinema:
“Ah lembro... “Ao mestre com carinho”, com aquele homem lindo( Sidney Poitier)  . Gosto muito dele.  Sou negra,  e  amo a  minha mãe preta”. ( Tiça é  loura de olhos claros, mas quem há de questionar o  DNA de um brasileiro?)
Atriz preferida:
Fernanda Montenegro  e a  Gloria Pires.
Ator preferido:
Antônio Fagundes, Tony Ramos. Al Pacino e Woody Allen...
Diretor que mais assiste:
“O que trabalha com Marcos Prado. “ ( José Padilha , de “Tropa de Elite”, um grande sucesso)
Cenário em que  gostaria de ver rodado o roteiro da sua vida:
Na Bahia entre Ilhéus e Salvador, Maraú. Aquela região, é meu Havai atualmente.
Com qual diretor?
“Marcos Prado. Ele não é só fotografo de cinema, é também diretor”
Par dos seus sonhos:
“Fagundes não é ligado a esporte....Marquinhos Palmeira... , Rodrigo Santoro tem tudo que eu gosto !!!!( babo por ele)”
Recado para o cinema brasileiro:
“Estou muito feliz que  o Brasil voltou a fazer filmes muito bons. Ta numa fase legal, indicado a Cannes, antigamente só se falava em pornochanchada.  Agora tem  muitos filmes de qualidade.  As pessoas olham já o Brasil com outro olhar. “

Gostou? Então volte  para  o filme do mês que vem no Varal. E vá pensando em cinema. A próxima entrevista pode ser com você.


Estou participando da Revista Literária  Varal do Brasil, um trabalho bonito e importante,  que Jacqueline Aisenman,  faz mês a mês em Genebra, para a  divulgação de autores brasileiros.  
Reproduzo aqui, o que escrevi lá e convido a todos a conhecer o Varal do Brasil: http://pt.scribd.com/doc/132127076/Varal-do-Brasil-22

Jacqueline, faz parte da Rebra,   associação criada pela talentosa e importante escritora Joyce Cavalcanti,  em um trabalho primoroso de divulgação nacional e internacional de autoras brasileiras.


PARA LER O VARAL DO BRASIL, Revista Literária -on line,  download:


6 comentários:

  1. eu acompanhei algumas matérias sobre esse filme, sonhos roubados. infelizmente não consegui ver qd esteve nos cinemas. uma hora vejo na tv a cabo. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena, gostei bastante. Beijos Pedrita!

      Excluir
  2. Camille,

    Como vai?

    Fiquei encantada sobre detalhes da vida de Tiça Magalhães.

    Desejo uma Boa Pascoa.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida, para você também. Tuuuudo de bom!!! A Tiça é mesmo uma grande pessoa. Como você também é. Bjos

      Excluir
  3. Não vi esse filme Camille. Ando tão por fora de cinema.. :(
    big beijos
    Lulu
    blog | twitter | face

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando puder assista. Bjos Lulu!!!

      Excluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.