12 setembro 2012

Construir a vida como quem constrói uma casa.

   Desde muito cedo estamos construindo nossas vidas.  Se a  "casinha" é de palha, de madeira ou de tijolo  isso é da  competência  de cada um. Lembre-se que o lobo mal  tem fôlego...    E se fizer de tijolo  a sua construição,  lembre-se  de colocar portas, janelas,  e mante-las abertas parte do dia, para promover uma  boa  circulação de  fora  para dentro e de dentro  para  fora.
  Deixe um caminho bem claro,  se quiser que  encontrem você. Cheio de pedras, cheio de flores,  dificil, largo ou estreito, isso ai também vai da vontade ou da capacidade do construtor.
   O bom de tudo é sabermos que é mesmo uma construção. Pessoal.  Cabe a nós decidir com preguiça ou sem preguiça, arrumando recursos como for possível, para  ter  uma casa gostosa de habitar: desde  os  cuidados com  a saúde, a alimentação, aquilo que se lê, como se instrui, as viagens que pode fazer- nem que seja para perto- vale o divertimento e a capacidade de observação , os amigos que tem, os laços que faz.  O  conjunto da obra  vai-se perceber lá  na frente.
                                                        foto  de  Manoel  Caraballo

    As vezes nos  deparamos com idosos vivendo um grande luto, não daquilo que se foi. Mas do que poderia ter sido.  Do que nem  sequer foi experimentado. Ninguém gosta dessa sensação. E mesmo se a casa for linda, não é  promessa,   a não desilusão. É  garantia de um conforto maior,com certeza.
    Então, pá, cimento e muito material  criativo .Vamos que vamos.  Lembre-se de fazer um belo jardim,  para seu proprio deleite.  Abrir a janela de manhã e perceber que  as  sementes  plantadas desabrocham harmoniosamente,  é  bom demais.
   Beijos  para vocês: casas,  casinhas, prédios, barracos, barraquinhas, arranhacéus  do meu coração.  A idéia  foi dar um alô.  Na frente da minha casa tem uns  azulejos que juntando as letras de cada um,  se lê:  bem  vindos!. Bem  vindos  então..

6 comentários:

  1. Camille,

    Eu creio que quase todo mundo passa por isso algum dia: se questionar do que poderia ter ousado mais, realizando-se.

    Acho que a tal lei da sobrevivencia amendronta a maioria, com medo de mudar e inovar, perde oportunidades que nunca foram experimentadas.

    Eu vivo com vontade de chutar o balde e fazer coisas loucas que estão dentro de mim. Loucas no melhor sentido.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Pois faça.Se nao fizer mal a voce e nem outras pessoas, nao vejo nenhum inconveniente. Ha semanas ouvi uma pessoa expor sua tese sobre idosos, e fiquei bastante triste de ver a melancolia das pessoas que não tem como "começar tudo de novo". Que estao ,algumas, felizes por que ainda nao usam cadeira de rodas. Enfim, a vida passa. E esse é o grande convite: viver tudo que der.Ou fechar o livro faltando
    um pedaço. Lembrei agora daquela poesia do Borges,vou coloca-la aqui no post.
    Bjos amiga querida!

    ResponderExcluir
  3. Ola boa tarde
    gostei muito de seu blog
    cheio de novidades
    gostei da postagem sobre interaçao medicamentosa
    um abraço

    ResponderExcluir
  4. Muito bonito a foto
    ai no blog
    com essa borboleta
    parecendo ke ta vida
    ficou show de bola

    um abraço
    voltarei mais vezes

    ResponderExcluir
  5. Ola boa tarde
    gostei muito de seu blog
    cheio de novidades
    gostei da postagem sobre interaçao medicamentosa
    um abraço

    ResponderExcluir
  6. Helena, muito obrigada por seus comentarios. O layout do meu blog foi feito pela Luma de Moraes, a borboletinha é a presença dela no blog. E é bonita mesmo,tambem gosto. Que bom que voce gostou do tal texto. Voce é ligada a essa área?
    Bjos e vou ver seu blog. Estou supondo que voce tem um pelo icone.
    Cam

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.