22 novembro 2011

AlÔ RiO de JAnEiRo, olha só um livro sobre FORMAÇÃO DE PLATÉIA.


Parece imperdível o programa: Adriana Rodrigues Didier, nossa leitora assídua aqui do blog, lança amanhã dia 23, com outros autores: "Música. Cultura e Educação".
na Livraria Travessa, no Centro do Rio de Janeiro, a partir das 18h.
Música para os ouvidos de quem está saindo do trabalho, ou quer dar aquela paradinha básica para dar uma respirada, corre lá na livraria e pega o livro da Adriana, que há anos forma platéias para o Municipal. Já imaginaram o que é isso? Tirar o mito de que no Municipal só vai gente rica e erudita. É municipal, do município, para todo mundo aproveitar. E ela não pára por ai. Ajuda as pessoas a apurar seus ouvidos e entender da música que vai ser tocada, da vida do compositor. E é assim, pegando pela mão, que o brasileiro vai se dando conta que pode, que tem direito, a apreciar a beleza que o mundo oferece. Parabéns Adriana. Sinta-se abraçada hoje, amanhã e sempre. E que muita gente prestigie esse trabalho tão afinado com as necessidades do Brasil.

3 comentários:

  1. Ai que bacana! Esse livro deve ser interessantíssimo.
    Big Beijos

    ResponderExcluir
  2. Belo girassol você nos trouxe, Camille querida. Parabéns e muito sucesso para a Adriana e os demais autores.
    Girassóis nos seus dias. beijos.

    ResponderExcluir
  3. Tenho um filho músico, que, por coincidência, se apresenta na sexta-feira, no Espaço Cultural Sérgio Porto. A música e a arte de uma modo geral tocam a alma.
    Sempre gostava de ir pra cozinha tendo o filho no violão, para eu cantar junto.
    Grata pela visita ao blog e volte sempre.
    Um abraço.

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.