27 novembro 2009

Luciana ficou feliz por Helena estar gravida do pai dela.

Será que algumas pessoas precisam ficar tetraplégicas para descobrirem que as outras são humanas, tem sentimentos, direito de existir, querem ser amigas, só querem unir? E olha que a Luciana nem mãe é. Mas de alguma forma, após essa imensa tragédia, pode intuir que existe um amor importante, que todos merecem ter. Viva Manoel Carlos que faz altas manobras no sentimento humano. Viva Aline Morais que interpreta tão bem a sua ambigua Luciana, cada vez menos ambigua e mais inteira. Viva Thais Araújo na sua saga de protagonista com tantas vitórias a conquistar. E você Daniela? Como bota sua cabecinha no travesseiro? Quem sabe seus sonhos lhe revelarão aquilo que você precisa ver? Não é preciso ficar paralitica, mas simplesmente parar, no frenesi do seu egoísmo, e refletir que para viver não é preciso destruir. Isso ficava para os hunos. Aqueles seres que por onde passavam não nascia mais vegetação. Você nesse momento deve estar comemorando mais uma "vitória". E é só ilusão. Sua maior vitória seria ser feliz, com tudo de bom que Deus já deu e ainda dá a você a cada dia. Mas você nem agradece, a Deus ou a ninguem Agradecer seria se satisfazer, dizer que já foi suficiente, e você quer insaciavelmente mais.. A vida ensina moça. E você vai aprender. Não por mim, que não sou sua professora. Mas por você mesma. A gente colhe o que planta. E você não planta, mas promove queimadas pensando que o solo vai ficar mais fértil. Não fica. Um dia seu deserto será visivel. Um dia a verdade aparecepara todo mundo ver.
Aproveito para desejar a você em dobro, em triplo, tudo aquilo que sempre desejou para mim, minha vida, meus filhos, minha formação de famillia. Que seu marido proporcione a você tudo que você merece aprender. Você não disse uma vez que ele era seu mestre?Aproveite. Mas tenho certeza de que seu mestre é você mesma. Que tudo aconteça de forma que você evolua para melhor. Seja como for, você só tem a ganhar. A ficcção não pode ser mais bonita e realista que a realidade. Quer um conselho? Vai trabalhar. Faz um trabalho voluntário, faça um bem para alguém que não seja você. Até as ervas daninhas mais perigosas tem poderes curativos. Quem sabe?

8 comentários:

  1. Oi, querida! Confesso que não posso comentar muito, porque não estou acompanhando esses assuntos. Mas fica meu beijo grande e meu carinho. Lou

    ResponderExcluir
  2. As pessoas insaciáveis e insatisfeitas, jamais conseguirão ser felizes.
    Nunca chegam à realização, vão querer sempre mais, e a sensação de vazio será cada vez mais intensa.
    São dignas de piedade.
    Um beijo e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  3. Olá Cam, não acompanho a novela, mas conheço a sinopse.

    A maioria das vezes, a vida precisa dar um reverso, para que ilumine o caminho.

    Bom fim de semana

    bj

    ResponderExcluir
  4. Oi Camille.
    Por vezes um revés nos faz ver a vida com outros olhos. No caso, ao que tudo indica, a tomada de consciência da própria fragilidade despertou os melhores sentimentos da personagem. Nem sempre é assim, há casos em que o infortúnio reforça o rancor e o egoísmo, vide o exemplo da personagem (Daniela) que levou uma tunda da mãe no capítulo de sexta-feira.
    (Pois é, continuo, de vez em quando, assistindo a novela).

    Beijo e bom findi.

    ResponderExcluir
  5. PS: faltou um ponto de interrogação depois do nome de Daniela entre parêntesis. Sou um noveleiro ocasional que não sabe o nome dos personagens.

    ResponderExcluir
  6. Com certeza algumas pessoas precisam passar por situações extremas para enxergar o todo. Um exemplo desse comportamento são os casos de pessoas que perderam outras pessoas importantes e só depois desse episodio marcante eles começam a prestar atenção aos outros seres humanos. Se um filho é seqüestrado e morto os pais criam uma organização para cuidar de outras famílias que passaram pelo mesmo processo.

    O ser humano só presta atenção à uma determinada situação quando se vê dentro dela. Experimenta suas conseqüências. É o egoísmo levando a pessoa a pensar no bem maior. Chega a ser poético.

    É sempre um prazer ler seu blog. Parabéns!

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Camile, obrigado pelo comentário. Eu trabalho, sou mídia da F/Nazca e estou terminando a facul. Concordo com tudo que você disse, ontem mesmo, super cansado, cheguei em casa às 22h, tomei um banho e fui ao cinema e depois fui comer com meus amigos. Tava cansado mas precisava disso para desestressar depois de uma concorrência (!!!). Mesmo assim adoro o meu trabalho e a cada dia que passa percebo que não consigo ficar sem ele.

    Tenho um da Meg Cabot que nunca li, vo dar um chance pra ela agora.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  8. É pena que algumas pessoas tenham que sofrer para aprender algumas lições, mas a vida é assim. Respondendo uma pergunta que você fez, o Ulisses está velhinho sim, vai fazer 11 anos, mas optamos pela castração tardia para prevenir tumores de próstata e coisas do gênero. Ele está ótimo, totalmente recuperado! bjs

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.