14 outubro 2009

Não há porta de saída, só de entrada. E já que não dá para gritar: pare o mundo que eu quero saltar, assistam as aulas do Rubens Molina.

Sabe aquela conversa de outro dia, sobre estar vivendo a Matrix antes do apocalipse? Pois, continuo torcendo para que possamos fazer algo de bem interessante com essa ferramenta espetacular que é a internet, ao invés de trazermos para esse lugar, para essa experiência, nossa velha mochila de peregrinos, cheia de badulaques que não servem mais. "Não existe nada mais antigo, do que cowboy que dá cem tiros de uma vez... a avó da gente deve ter saudades do zig-pow, do cinto de inutilidades"... Alguém se lembra dessa musiquinha que precedia os novos, hoje velhos desenhos animados moderninhos, onde os super-herois eram menos do bem ou do mal?

E ao falar sobre excelentes oportunidades na internet, além de nos divertir, é claro, vou citar, recomendar e dizer: vá logo antes que não tenha mais vagas. Acabo de sair de uma aula on-line, do sábio Rubens Molina, que de tão sábio que é, reconhece que a nossa sabedoria e informação é bem pequenininha diante da imensidão que desconhecemos. Nada de arrogância pois, pois. E ainda, nos dá a sua leitura, o seu olhar, seu ponto de vista, sobre livros dele e de outros autores- genios vivos, como o Codigus Universalis, texto esse que o grupo começou a ler agora ( eu ainda não, portanto não sei se é assim que se escreve) e que aponta a Psicanálise como a via para a capacidade de cada um de revirar, virar ao avesso cada conceito, coisa, vida, situação- uma chave para entender o mundo, qualquer coisa, tudo e até o nada, que não podemos alcançar.

O que essa aula faz definitivamente é dar um polimento nos neurônios. Pelo menos nos meus dá. Antigamente, quando eu assistia essas aulas ao vivo no Rio de Janeiro, ficava calada, por que era muito guria, tinha pouca vivencia e esperava, ouvindo, o dia de entender. Esse dia chegou lá e isso é muito bom. Agora continuo assistindo com uma alegria interior, como se estivesse me alimentando, tomando gazolina, ou uma espécie de elixir que torna a vida mais simples e ao mesmo tempo, muito mais interessante. Por que vista de um angulo que não é angulo, é abrangência. Uma abrangência que vai tocar você. Como diria o Faustão, "quem sabe faz ao vivo". E o Rubens Molina sabe dar o recado, em tempo real, de modo que todos possam entender se quiserem. Eu , você, ela do blog ali ao lado.

Bom, eu recomendo e quando você começar a escutar e ouvir, vai perceber o que estou dizendo. Experimente, o seu, como o meu cérebro agradecem . Além do mais, como dizem o Molina e o Magno, precisamos ser mais"Amazonicos", permitir que muitos afluentes possam desembocar em nós. A internet nos dá esse privilégio. De receber toda a diversidade de informações que queremos. De ampliar nossa curiosidade e acesso a qualquer assunto. E até de entrar em contato com nossa inteligência mais capaz de um produzir um pensamento bem refinado. É só clicar ali ao lado no blog do Rubens Molina ou escrever para rubensmolina@uol.com.br e se inscrever, se ele permitir, é claro.

Obrigada pelos comentários no post abaixo. Acho que agora meu computador pegou no tranco e vou poder de novo, ter o prazer de visitar vocês.
BEIJOS!

4 comentários:

  1. Cam, nao o conhecia, estou aqui assistindo ou melhor ouvindo a entrevista dele no you tube.

    Um beijo grande

    ResponderExcluir
  2. Oi Camille.
    Contagiante o teu entusiasmo pelo Rubens Molina. No entanto, minha disponibilidade de tempo para as coisas que realmente importam - como aprender sempre mais e "polir" os neurônios (bem que estão precisando!) - está escassa neste outubro primaveril. Como um lavrador consciencioso, estou plantando agora (isto é, trabalhando muito) para colher no verão (ou seja, desfrutar as delícias da vida à beira mar). Infelizmente, não existe almoço grátis.
    Aproveite o conhecimento por mim.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pela interpretaçãodo meu sonho- adorei, não tinha pensado, acredita.
    Depois volto p ler sobre o curso.
    Bjão,Laura

    ResponderExcluir
  4. Oi Camille!

    Eu não conheço, mas vou lá fuçar, até porquê é indicação sua e essas eu não perco.

    beijos querida,

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.