14 fevereiro 2007

Dia da Solidariedade Bloggeira

Outro dia escrevi um comentário num post de uma das nossas amigas bloggeiras. Outra bloggeira leu e me mandou um e-mail superbonito, abrindo seu coração e contando que ela também vivia um problema semelhante ao meu. Fiquei feliz de pensar que o gesto foi totalmente espontaneo, de alguém que nunca me viu, sem pedir nada em troca. Nada para tornar seu blog mais popular- seu blog já é um dos mais populares e pra cima dessa blogosfera- ou me pedir algum favor, nada disso. Solidariedade, amizade pura. Aí , por que passo muitas vezes por blogs em que se percebe nas entrelinhas que a pessoa está pedindo um help, querendo um apoio, mas muitas vezes deixa a coisa na ponta da lingua mas não tem coragem de abrir o lance, talvez com medo de acharem seu blog chato ou mesmo de achar que esse espaço não é o muro das lamentações, a pessoa deixa sua angustia no meio do caminho da clareza, do compartilhar com todos ou não. Na dúvida, recua. Então comecei a pensar utópicamente em criarmos o dia da solidariedade bloggeira, em que, cada um contaria alguma coisa que precisa de uma opinião, uma força , um reforço e teria a solidariedade dos bloggeiros, como numa corrente sem fim, como fizemos com as diversas bloggagens coletivas. Isso respeitando é claro, os limites da privacidade da pessoa que escreve e a pessoa com o caso a contar, respeitando a si mesma e compartilhando aquilo que lhe aflige, preocupa, mas que dá para ser compartilhado. Tudo no campo da afetividade. Nada de pedir um grana emprstado para pagar a prestação( brincadeira, mas só para esclarecer a idéia)
Parece piegas ou pouco efetivo? Não é. O mundo está perdendo o sentido de vizinhança, de comunidade, na vida real. Por que não recuperá-lo no caminho virtual? Já fazemos isso quando nos vizitamos e nos saudamos com nossas novidades. É muito gostoso. Então podemos ampliar essa relação, nesse dia da solidariedade bloggeira. Que do micro poderá partir para o macro e chegarmos a atuar em alguma causa comum no mundo real, como aliás já foi feito.
É isso. Preciso da sua opinião para criarmos isso. Beijos e obrigada, Camille

4 comentários:

  1. Querida Camille
    Não quero parecer antipática ou estragar tua idéia.
    Eu já entrei em blogagem coletiva. Os assuntos sugeridos são variados. Alguns muito interessantes e outros nem tanto. Fiz por amizade a quem me convidou, mas sinceramente não gosto muito. Uma das razões é que isto pegou de tal forma que todo dia tem alguém lançando um assunto. De repente o blog se descaracteriza, passa a falar de outras coisas, com outra linguagem que não a que caracteriza cada blog. Perde a liberdade de seu próprio tema e segue o tema sugerido. Acho gostoso a variedade.
    Outra razão é que se recebe mais visitas e isto implica em retribuir. É impossível ter tempo para ler com atenção e carinho, comentar um número ilimitado de blogs. O resultado pode acabar sendo comentários sem conteúdo ou robotizados.
    Se teu propósito é ajudar ou ser ajudada, se gostas disso, acho que é bacana que lances a idéia. Mas te prepara para isto, pode crescer mais do que imaginas ou do que queiras ou possas te doar.
    Prefiro uma interação com pessoas que sinto afinidade, que a amizade vá brotando conforme vamos nos conhecendo através dos recados e dos post.
    Carinhos pra ti

    ResponderExcluir
  2. camille03:08

    Tem razão Clarice,
    Uma idéia dessas é super dificll de operacionalizar. Tambem concordo que ja houve um excesso de blogagens coletivas e nem de todas participei por casua da falta de disponibilidade. E tambem concordo que descaracteriza a idéia do blog , da variedade, de cada um escrever o que quiser.Inclusive sem essa idéai ja tive um nivel de cobrança no meu blog que considerei basstante complexo, de gente reclamando por eu nao visitar o blog e tal. Assim poderia acontecer uma coisa muito maior. Foi uma idéia boba de todo, tens razon.Mas eu queria mesmo saber a opiniao de voces ,por que no fundo estava achando essa idéia meios esdruxula.
    É isso. Obrigada. Um beijo, Camille

    ResponderExcluir
  3. Não acho a ideia boba, mas é um pouco dificil de coloca-la em prática. Pq? Nem todos estão disposto a se mostrar realmente em seus blogs. Eu quando quero, taco senha hihihihi.

    Minha flor essas suas palavras são lindas. Me deixaram emocionada. A pessoa que te mandou aquele e-mail tinha tanto medo de está metendo o bedelho ende não era chamada. Ela já sofreu varias vezes com isso, recebendo muitas grosserias. Nem todos estão abertos a ouvir, ou sabem dizer com educação, "desculpa me expressei mal, não é por ai". Essa pode ser mais uma razão para tua idéia não se concretizar como deveria. O que é uma pena. veja só, se não fosse o atrevimento de uma com o entendimento da outra....

    Não é uma ideia boba... e vc sabe onde me encontrar... e saiba tb que conheço uns caras que por qualquer 100 "real" resolvem a parada hehehehe

    ResponderExcluir
  4. Não te acho nem um pouco boba, nem tuas idéias. Ao contrário. Passas a vontade de criar, de crescer, de agir e isto é maravilhoso.
    Querida, estou viajando hoje e por uns dias fico ausente. Te desejo um bom feriado, muitas alegrias.
    beijãosão

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.