29 setembro 2011

O Banco é do Brasil. Será que isso significa que o Banco é ruim?


Tenho conta no Banco do Brasil ha muitos anos. Primeiro quando fui morar em Curitiba e atendia a essa conta como Agencia de Publicidade. Assim também recebia meu salário de publicitária no BB. Naquela época o principal motivo de perder clientes a rodo, era a falta de bom atendimento. O problema foi detectado e trabalhado. Depois mudei de agencia de publicidade, mas continuei com a conta no BB. Soube que foi feito um treinamento com os funcionários por todo o país e tal.
Me mudei para São Paulo há 15 anos. Meu caminho natural, foi procurar o Banco do Brasil e transferir a conta de Curitiba. O mais prático. Também mais prático ter um banco só. "Todos os ovos na mesma cesta" como diria o povo. Mas tudo bem. Ali ficava meu dinheirinho de boa trabalhadora.
Durante um periodo até me encantei pelo BB. Soube que em uma parceria com o Deutche Bank estavam criando um banco de investimentos chamado Max Blue. Eu já estava em uma agencia de Marketing Direto e até fiz trabalhos para eles. Pareceu um grande lance. Que depois não foi adiante, que eu saiba.
Como um cachorro fiel, continuo no BB, por que sou comodista quando se trata de Banco, e isso é um defeito terrível justamente quando se trata de Banco, por que é o nosso dinheiro que está ali, a nossa sobrevivência.
Hoje tenho uma conta especial, em uma agência normal. O atendimento finge que é legal. Mas na verdade é péssimo. Chato dizer isso, por que gosto da minha gerente desde quando minha conta não tinha nada de muito bacana. Mas a culpa não é só dela.
Nessa agência nã0 tem minimamente vagas para 10% dos clientes estacionarem. Sempre rolam umas brigas e uns maus-humores. Por que as 6 vagas existentes, são daquelas que voce coloca um carro atrás do outro e assim, ou prende que está na frente, ou fica preso por quem está atras. Claro, nao tem manobrista, isso é luxo. E assim, depois de esperar o tempo que for, para falar com seu gerente, tem que interromper o atendimento para manobrar o carro e alguém sair.
Depois que entrou a nova gerente-geral, que coincidiu com a entrada da Dilma no governo, (Gerente Geral de Banco é cargo politico? Vai ver que é) piorou ainda mais. Ela criou as regras mais absurdas que não permitem a minima das mínimas comodidades para o cliente se sentir pelo menos querido. Ja que especial lembra privilégio, que lembra capitalismo, que lembra divisão de classes. Ah isso não pode no Banco do Brasil, "socializado" suponho.
Em que cara pálida?
Então tá. O país é capitalista e quero um atendimento capitalista. Assim vou finalmente cumprir o que prometi: procurar um Banco que me trate BEM. Seja isso em que modo de produção se quiser chamar. Fico com o modo de produção da gentileza, da cortesia, do mínimo de conforto, e claro, da confiança no novo Banco também.
Quem tiver um bom Banco privado para me indicar aqui em SP, sou toda ouvidos. Deixe por favor a sua sugestão de agência, e tb o endereço de seu blog para eu fazer o link novamente, depois do "bug." Agradeço, de verdade.

7 comentários:

  1. O que eu noto é que tanto o BB quanto a CEF desprezam o atendimento de ponto ao cliente, seja nos caixas físicos quantos os eletronicos.

    Ambos, na hora do almoço, imaginem só..., não disponibilizam numero suficiente de caixas, no Leblon, por exemplo, fica apenas 01 funcionario para atender. É um absurdo.

    Na CEF é normal quase todos os caixas eletronicos das agencias não funcionarem nos dias mais críticos dos meses.

    Sobre atendimento pessoal, nao sei quanto ao BB, mas o pessoal da CEF tem sido atencioso comigo.

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. no meu caso o banco q mudou de mim e não eu q mudei de banco. tive uma conta no banco nacional pq lá q pagavam onde trabalhava. o unibanco comprou e lá fui eu pro unibanco. aí a agencia que tinha conta virou só uma agencia posto de serviço e mandaram eu mudar, consegui ir pra outro unibanco. aí, já sabe né? o itaú comprou. eu era feliz no unibanco e sou infeliz no itaú. as gerentes são ótimas, mas tudo é ruim. a internet, cartão e telefone cada um tem uma senha. além disso elas expiram no meu respiro, já troquei mais de uma dezenas de vezes. eu não consegui nem guardar o número da nova conta, q dirá das novas senhas. filas intermináveis. enfim... nem penso em mudar pq o resto parece tudo ruim igual. afinal banco existe para atender os interesses de uma minoria e a outra maioria q se vire. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Nossa!!! Eu nao uso essas senhas de internet. Nao mexo em nada bancario via internet, entao tenho que contar com o bom atendimento no Banco. Minha gerente atende a todos os idosos um por um. Bacana, ok. Os idosos ricos... no banco socialista...e atende todas as pessoas que tem conta especial. Mais facil ir no caixa, caixa eletronico, o que for. So que é um desespero filaX falta de vagas e tal. ENfim, cansei. Mas pelo que estou vendo voce sofre nos bancos privados... Acho que o lance é saber de uma boa agencia, seja de que banco for. Isso talvez seja o mais importante, por que percebo que o tratamento varia de uma agencia para outra em diversos bancos. E Fsdinha, a caixa ecnomica em lugar nenhum do Brasil jamais foi boa. Faz pouco tempo que o pessoal da minha agencia BB estava dando treinamento na Caixa, ja viu ne? Um luxo...
    Bjos para voces! E quem tiver uma senhora agencia de qualquer banco aqui em SP por favor, me informe!!!

    ResponderExcluir
  4. Camille querida,

    Até 1988 o Banco do Brasil não tinha necessidade de tratar bem seus clientes, pois mantinha a conta escritural do Tesouro. A partir daquele ano, a coisa mudou. Foi criada a CUT-Conta Única do Tesouro que passou a ser mantida no Banco Central do Brasil. O Banco do Brasil teve que mudar sua estratégia para captar clientes. Há ainda funcionários com a "boca entortada pelo cachimbo" que permanecem no equívoco de considerar "favor" atender o cliente, quando é obrigação do prestador de serviço (inclusive banco) atender muito bem seu cliente! Lembro-me dos tempos antigos, o quanto os gerentes maltratavam os clientes, é claro, não os clientes ricos.
    Entretanto, sendo cliente do Banco do Brasil desde 1977, estou muito satisfeita agora (mesmo continuando pobre) com o tratamento recebido lá. Penso que depende muito do gerente da sua conta, se for um bom profissional, você será bem atendida. Como é em todo lugar. Maus profissionais estragam qualquer instituição/empresa.

    Girassóis no seu dia!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nossa!!! Isso sim é uma aula. Pois esse ranço ficou. A minha gerente é boa, mas ela nao é o Banco. Voce precisa ver a tal gerente Geral. Quando ela chegou baixou de novo aquela "portaria" de segurança maxima, de ter que revistar todo mundo. Os guardas ali me conhecem todos, tem uma guarda feminina que sempre converso com ela. No dia que tiver um ladrao eles farao uma leitura péla minha cara.. Enfim, tirei tudo que tinha na minha bolsa por que a mulher ao meu lado nao me deixava passar. Quando acabei de tirar a bolsa nao pasava por que tinha alça de metal. Ele disse "evite de vir"... e eu completei: "ao Banco? Acho que é siso que voce esta me dizendo com sua atitude".. "Nao, com bolsa de metal"... Realmente, fora tudo o mais. O GG antes dela era mais humano, mais legal. Mas no geral eles se comportam como se trivessem fzendo um favor sim. Devem fazer varredura, TOMARA- e talvez leiam esse post. TOMARA. Quem sabe pensam um pouco? Dificil. Sao muito cabeça dura. Coisa de governo,e de governo militar tb. Nos somos a "ordem", heheheh. Um beijo!

    ResponderExcluir
  6. Camille!
    Meu marido hoje mesmo no jantar falava-me da mudança que pretende fazer de banco, pois ele tinha conta no Real há muito tempo, mas com a troca para o Santander, ele está decepcionado com o atendimento e disse-me que pretende se mudar para o BB, mas agora diante de seu relato vou contar a ele sobre isto. Vejo que no fundo o que os bancos querem mesmo é usar nosso dimdim, mas os serviços oferecidos são mesmo muito mixurucas.
    um beijinho carioca

    ResponderExcluir
  7. Passado tanto tempo, hoje esse texto foi super procurado. So posso dizer que o BB ja era ruim, ficou pior.

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.