24 julho 2010

Os Filmes que vi por aqui.

Ah todo mundo sabe que eu adoro cinema. Puxa, não dá mesmo para negar. Até em Paris, essa terra maravilhosa, com tanta coisa para ver, eu não abro mão: tenho que ir ao cinema de vez em quando. Ainda mais por que vou a noitão, quando só restaria um reataurante ou uma balada... e ai sou muito caseirinha demais atualmente. Então vamos aos que já assisti: La Tete en Friche já contei, já foi.
Depois assisti "O Italiano", história de um executivo bem sucedido que se faz passar por italiano, por causa do preconceito que os franceses tem contra os argelinos ( augerianos?) , sinceramente no momento não sei como é a palavra certa. Mas a julgar pelos comentários, risadas e gritinhos na platéia, o filme tocou em um ponto nevralgico: os franceses estão longe de se fazerem passar por "politicamente corretos". O preconceito existe sim, e o cara fez bem ali de se "camuflar". É meio comédia, gostoso de ver. Recomendo.
Assisti ao filme da Janine L'Amour, o tal do Vampiro 3, aqui tem outro nome, algo como Hesitation. Dá para assistir sem dormir, bonitinho, mas já está enchendo tanto filme com as mesmas pessoas, rodando em volta do proprio... Enfim, nota-se de toda maneira, que a cada rodada a produção vai ficando mais cara, mais elaborada. O primeiro foi um filminho bem trash. Mas graças ao sucesso de bilheteria ,alem da vendagem dos livros, claro, resolveram investir mais. Marketing é marketing, pois.

Fui ver também "Copacabana", com Isabelle Hupert. Fora o legalzinho de perceber que falo, escuto, escrevo tudo em Francês sempre bem e cada vez melhor, pela frequencia na cidade, o filme é chato, brega, terrível. Isabele Hupert que já foi bonitinha conseguiu virar uma velha feia. Parece que fez plástica para o nariz ficar maior. Já tinha notado isso antes. Se passar no Brasil, fuja de Copacabana. No final dá até direito a Escola de Samba. Totalmente trash.
E finalmente, assisti anteontem, acho, ao novo do Leonardo de Caprio. Entrei no cinema para refrescar as idéias. Estava tensa por uma série de motivos, ligados a saúde também e que não vale a pena nem comentar, mas enfim, me senti meio burra nesse filme. Não entendi nada. Sabe aquela ficção científica que ou é genial para "iniciados" ou uma confusão que não da para entender nem que você se esforce muito? É um sujeito que consegue entrar nos sonhos das pessoas e descobrir seus segredos. Ok. Tema já velhinho. Já explorado no cinema em pelo menos um filme com J-Lo e outro com Denis Quaid. Em ambos, os atores protagonistas acabavam usando esse dom para ajudar crianças com sérias dificuldades, traumas e coisas assim. Nesse novo do Di Caprio, depois do enredo também deja vu de Ilha do Medo, que aliás não se compara, é muito melhor como filme. Nesse ele tenta roubar um segredo, uma senha de cofre, envolve várias pessoas num sonho mútuo.Tem mortos misturados na história. Tem muito ingrediente, muito carro batendo, muita bomba, beeem americano típico. Vale pela atuação da menina que fez aquela garotinha grávida que dá o bebê( esqueci o nome dela e do filme agora). Não sei o que dizer. Talvez o melhor seja: assista e se você entender o enredo me conta. Se ficar até o final, me conte também. Saí bem antes de terminar.

7 comentários:

  1. Mania de cinema é uma mania muito boa. Das melhores que conheço.

    Não conheço nenhum dos filmes citados, mas certamente vou me lembrar de você quando me deparar com algum deles.

    Lendo esse seu post, lá embaixo apareceu a sugestão de outro em que você falava das suas experiências de vida londrina. Babei no texto! É uma visão muito interessante sobre os ingleses. Nova pra mim. Fiquei pensando em tudo que já li por aqui que fala sobre o que você viveu e pensei no universo das suas percepções, um universo de riquezas raras, certamente. Acho que você é uma daquelas pessoas que tem mesmo que ter um blogue.

    O francês é um idioma com o qual tenho algum bloqueio. Acho que nunca conseguiria aprender, é um dos que julgo mais difíceis. Acho que aprenderia alemão com facilidade, mas francês me sinto absolutamente incapaz. Muito legal você ter o domínio dessa língua, deve ser um charme...rs

    Sobre "Modern Couple", publicado no meu blogue, não é autobiográfico. Já sou casada há alguns pares de anos e tenho uma pequena comigo e outra (ou outro) a caminho, nona semana. É meio íntimo, nem me sinto à vontade em publicar....rs. Enfim, "Modern Couple" é uma visão minha dos casais modernos. Só isso.

    Bjs e volta sempre, sinto falta de ler por aqui!

    Michelle

    ResponderExcluir
  2. Inveja, inveja, Camille. Mas inveja boa.
    Dois pedidos. Toma um cafe no Café das Flores, na margem esquerda do Sena. Se Sartre, Simone e Camus estiverem por lá, dê lembranças minhas. Depois dá uma passada no bar do Hotel Ritz e pede um martini - se Hemingway ou Fitzgerald derem as caras, igualmente manifeste o meu apreço. Ah sim, um abraço também para Henry Miller, que deve estar vagando pelas ruas de Paris.
    Beijo.
    Aproveite bastante.

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Eita Cam...o Jens voltou...kkkk
    OLha, nao gsoto de filmes. por isso.nao tenho muito a comentar. Desejo tudo de bom e caso queira vir ver a Escandinavia, venhas. És bens vinda. Até agosto , estou por aqui..depois....ah, depois..bjs e dias felizes

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. OPS, o segundo comentário foi feito por engano, por isto, exclui. Sorry, Cam.

    ResponderExcluir
  6. Tem filmes que realmente nao da para chegar na metade...muitas vezes vejo filmes interessantissimos sem nem saber o nome, e outros famosissimos que deixam a desejar.
    bjs
    Meire
    www.meiroca.com

    ResponderExcluir
  7. Fiquei com vontade de ver O Italiano, mas vamos combinar que no momento eu só vejo mesmo o filme da Jannine Lamour III...hehehehe. Sou um caso perdido amiga, e vc me conhece ;). Beijos muitos para vc e para Anna...ah e para a sua mana tb!

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.