26 maio 2010

Lost, a série que fez metáfora dela mesma: morreu e não sabia, faz tempo.

E eu que já não assistia nenhum capítulo há meses, até gostei dos últimos instantes. E sei o motivo: um dia antes assisti "Lobisomen". Quem poderia aceitar a máxima "onde termina o homem e começa a fera?" ainda como desculpa para Sir Anthony Hopkins aparecer vestido de lobinho peludo? Tanto dinheiro jogado fora, tanto tempo perdido em filmagens, direção e produção caprichadinhas-e barrocas, à toa. Assim, acho que fui condescendente com Lost.

4 comentários:

  1. Ai Cam, pois eu comecei e terminei a série gostando muito, chorei de dar gosto.
    Beijocas, Jan

    ResponderExcluir
  2. Chorei litros no final da série. Big Beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei do final, que confirma uma discussão que vem desde o início. Acho, só, que os autores decidiram pelo mais óbvio.

    ResponderExcluir
  4. ó...chorar, chorar, não chorei não...kkkkk mas que eu fiquei um pouco chateado, eu fiquei...Lost vai morar no meu coração por seus ensinamentos...

    abrações!

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.