20 fevereiro 2013

Loucos por amor.





                                                    foto encontrada no site "Saiadolugar, com.br". 
                                                            



As vezes a gente vê, que dentro de famílias muito disfuncionais, alguém surta, enlouquece, se marginaliza. Aglutina todas as deficiências daquele grupo e se torna um bode expiatório, por escolha, por amor. Para que a família continue existindo, na crença de que tudo está bem, que a felicidade até existiria se não fosse aquele....louco. Que ironia. Aquele que deu sua cabeça a prêmio para manter o esquiíibrio, Na corda bamba. Mas o esquílibrio que se pode ter ali.
Portanto respeite o louco, caso haja um na sua família. Sua imensa sensibilidade acredita que assim está salvando, quem sabe antropófagos, de comerem uns aos outros. E vivam os loucos, cheios de sensibilidade, sofridos, do jeito que são. E tantas vezes, certissimos no seu julgamento daquela realidade torta.



              Imagens encontradas no Google e modificadas por mim, substituindo as palavas por "louco". 

18 comentários:

  1. mutias vezes o mais louco é o mais são. sempre lembro do incrível livro o alienista. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em geral é isso mesmo querida. Livro tb, maravilhoso. Bjos

      Excluir
  2. Caramba, voce disse tudo, concordo com seu ponto de vista. Conheço poucas pessoas desajustadas ou desequilibradas, mas que falam com tanta eloquência! fica dificil discordar, ou perigoso...

    bjs

    ResponderExcluir
  3. Esse ponto de vista não é meu. Mas é um olhar para o assunto que eu concordo sim. Conheço um tanto de pessoas com sofrimento mental de maior ou menor intensidade. E essa vontade de consertar a dor em volta, é um fato interessante de observar.
    Nao vejo que as pessoas assim falam com tanta "eloquência". Mas voce é muito engraçada. Hehehehe Sissym, acho que esta se referindo a Napoleão ou aqueles de filme que pensam que sao Napoleao. Ai nao pode discordar, pode ser perigoso, heheheheheh. Bjoa querida.

    ResponderExcluir
  4. De loucos todos nós temos um pouco.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certeza. E quem é o mais ou menos louco ne? Bjos

      Excluir
  5. De médico e de louco todo mundo tem um pouco!
    Ou como já dizia Caetano, de perto ninguém é normal.
    Bom domingo, bjks!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com isso: de perto ninguem é normal. Normal é da norma, da curva normal. De perto cada um tem a sua singularidade. Bjos amiga.

      Excluir
  6. Neste texto eu fiquei foi com a sensação de que queria saber algo mais... Como vira e mexe você tem falado sobre o assunto, vou ganhando uma compreensão mais abrangente devagar.

    Só a conversa sobre equilíbrio já dá uma boa discussão de ideias. Se a ordem é o caos... Enfim.

    Bjs,

    Michelle

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hum......é isso aí dona Michelle. Adorooo esse assunto e é o assunto da minha pesquisa... Bjos sabida!!!

      Excluir
  7. Camila querida,
    Fiquei muito feliz quando vi seu comentario ... muito bom recereber seu carinho. Adorei a novidade do livro ... que legal isso para voce ... parabens viu. Jura que sua irma vai se casar? Felicidades para ela ... Minha nossa 12 anos uma mocinha .... beijos para vc e muito sucesso sempre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Fabricia. Adorei ver a sua bonequinha e descobrir que está grande, rechonchuda e linda. BenzaDeus. Quando tiver seu email te envio uma foto sobre o assunto que comentamos, você vai ver. Beijos e bem vinda sempre!!!

      Excluir
  8. Conheço muitos loucos superficialmente que não sabem que são loucos e procuro achar a normalidade em suas ações. Existe uma certa lógica em ser louco, se for apenas um parafuso a menos :) Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Loucos superficialmente ou que a gente nem nota? E o que é ser louco afinal? É ser diferente da norma. Diferente do "normal". Nada mais. E um pouco mais. Mas em tese é isso. Uma construção de poder, de exclusão. Bjos

      Excluir
  9. (ei, psiu! Comprei uns biscoitinhos caseiros amanteigados [para os meus filhos, claro, hahahaha até parece!] e lembrei de você ["biscoito para presidente!"]. Estavam uma delícia! Comprei numa casa super tradicional, chama Casinha do Pão. Vou te levar pra conhecer qdo vc estiver aqui (oh que maldade!). Como anda o tal regime que vc cismou de fazer? Acabou, né? Bjs!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Biscoito pra presidente!!! Hehehehe, biscoito para os filhotes é?Conheço essa desculpa,hehehehe. Vamos a Casinha do Pão quem sabe um dia!!! Minha dieta esta firme, oi o respeito ai ô!!!Ja emagreci tudo de novo. O ano novo foi de lascar, mas consegui recuperar. E essa dieta não se priva de muitas coisas. Tem ate chocolate- em po- cacau, sem açuçar. Mas eu ponho adoçante. Só um esforcinho... Bjos biscoiteira!!!

      Excluir
  10. Camille,
    O louco da minha família sou eu! Me faço de louca para aglutinar todos. Sei bem como é dificil essa situação mas só uma louca como eu para fazer isso...rsrs...
    Amei o texto!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conheço essa posição, hehehehehe. Loucos são os outros, é o que todo mundo diz. Coragem é dizer isso- o louco sou eu.
      Beijos e obrigada Adriana!!!

      Excluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.