11 fevereiro 2012

Quero um Domingo com Cara de Domingo.


Sei que é sábado. Mas já estou pensando no dia seguinte sim. Hoje já está chovendo, nem esperou o anoitecer e esse tempo. Amanhâ como será? Cheguei agorinha da rua. E vinha cantando mentalmente " num domingo de sol e calor, lá vou eu, lá vou eu"... Só sei essa parte, não sei de onde. E me faz lembrar da infância. Onde domingo tinha gosto de macarronada da minha germânica vovó, cara de praia, de sono depois da praia, de cinema, de passeio de carro.

"Vamos dar um volta de carro?" Nunca mais ouvi essa pergunta, por que aqui não faz o menor sentido e é uma das coisas que sinto falta morando em São Paulo. Dar uma volta pela avenida Paulista? Contornar o Ibirapuera? Ir até o aeroporto e voltar? Eu até iria, mas tem trânsito, todo o tempo. Hoje voltei de Perdizes com trânsito, Avenida Brasil, trânsito, ainda resolvi passar na Lorena, Livraria da Vila, minha paixão. Ali então um engarrafamento mesmo. Dá para aguentar? No sábado a gente ainda desculpa. Está bem, tem gente que trabalha a semana inteira e sái hoje para comprar o que precisa. Mas e no domingo? As lojas só abrem a partir das 14h e assim mesmo, só em alguns lugares da cidade. O que justifica então? Está todo mundo dando as tais opções de voltas, ouvindo música em seus carros, namorando. Pode ser...

O que me resta no domingo: clube? Nem pensar, lotado. Restaurante, imagina. É muita gente. Minha querida São Paulo é uma megalópole com tudo que tem direito. O coração do Brasil. E o meu bate descompassadamente por ela. Amooooo. Mesmo assim, quero um domingo com cara de domingo. Vou fazer um almoço, chamar a família, uns amigos. Mesmo que eu tenha um munnnndo de coisas para fazer amanhã e que nem lembrem de longe um domingo. Preciso disso. E São Paulo tem pessoas tão maravilhosas, amigas de verdade, boa conversa, queridas. Ligo agora, decido o cardápio, faço a listinha de compras. Mais tarde, o super-mercado. Vou cozinhar. Viu como é bom programar o futuro? Com trânsito ou sem, com chuva ou com sol, amanhã vai ter cara de domingo. E lá vou eu. Lá vou eu. ( Blog Camélia de Pedra- terminantemente proibida a cópia sem autorização)

( foto do site Noticias.com.br encontrada no Google. Se quiser, me dê seu nome para eu colocar os direitos autorais da foto. Grata pelo empréstimo)

2 comentários:

  1. eu gosto de ficar em casa e descansar. tb é um ótimo dia pra ir ao teatro. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. Camille, estou tao cansada que quero um domingo para repousar mente e corpo.

    Beijinhos

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.