25 outubro 2011

Melancholia de Lars von Trier é um planeta ou um meteoro. Mas com certeza é uma metáfora interessante.


Melancolia está muito perto e parece que tudo vai destruir. É surrealista demais, mas o que você faria se soubesse que o mundo está para acabar e tudo, absolutamente tudo que você sonhou, pensou, sentiu, almejou, desprezou, idealizou, quis, não fará mais o menor sentido? Nem seus medos, seus pavores, suas vergonhas, seus vexames, suas mesquinharias, suas vaidades, suas covardias, sua popularidade, seu conhecimento, suas canalhices, seus talentos, seus estudos, seus méritos, suas humanidades em todos os sentidos para o "bem" ou para o "mal" não terão mais a menor relevância diante do fato de que nada sobrará como testemunha ou para contar história?
Esse é o drama de Melancholia de Lars von Trier, linda fotografia, bons atores. Dificil ver um filme assim. Com a coragem de propor um surrealismo tão real. Uma hipótese tão plausível quanto o fim, que todos sabemos que existe, mas não sabemos como é e nem se há um lado de lá para onde correr.
O filme mostra duas maneiras de lidar: fingindo que não vê, como a irmã mais velha, ou tentando cair de boca como a irmã noiva que casa e descasa. Existe ainda uma outra que o filme não mostra: fazer psicanálise e se acostumar com a idéia. A melancolia vai acontecer, mas pelo menos vai poder revirar em outra coisa, ainda em tempo de dar umas boas risadas com o que o mundo tem a oferecer.
Por que entre o haver e o não haver existe a nossa vida para viver. Vai deixar melancolia colidir com a sua? (foto de divulgaçao encontrada no Google)

12 comentários:

  1. Camille querida,
    Esse dá é medo. Uma coisa é saber que é inevitável o fim, outra é ver sua dramatização. Mas vou tentar ver assim mesmo! rsrs
    Girassóis no seu dia. Beijos.

    PS Obrigada pela emoção! mas a intenção não era fazer chorar!

    ResponderExcluir
  2. eu adoro esse diretor, ainda quero ver esse filme. mas ando sem tempo de ir ao cinema. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Como estou ávido para ver este filme (bem como "A Árvore da Vida")! Belas observações, "pestinha" (nada ainda, né? Anda tudo bem contigo?)!Abração!

    ResponderExcluir
  4. Infelizmente, eu não vi Melancolia. O ultimo filme do Trier foi Anticristo, um filme complexo e, na minha opinião, um pouco exagerado.

    ResponderExcluir
  5. Gostei imensamente da metáfora que o filme Melancholia insere. Ainda não vi, mas já estou de olho, curto muito filmes assim, apesar de não gostar de ficção, mas este, pelo que contas, tem um lado meio psico qualquer coisa, não?
    beijos cariocas

    ResponderExcluir
  6. Já conversei com pessoas que assistiu ao filme e já estou prevenida para sair "mexida" da sessão. Como sou, estou torcendo para que isso aconteça! Faz tempo que nada me comove ou remove meus conceitos. Ir assistir o filme já sabendo do que se trata já me tira o interesse ;) Beijus,

    ResponderExcluir
  7. Pode ir, voce ainda vai se surpreender, te garanto. Eu ja sabia do que se tratava e no entanto, me surpreendi, com a beleza, com a forma como o assunto foi mostrado. Novo.
    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Assisti Melancolia ontem. Fiquei com essa ideia na cabeça depois de ler esse post e posso dizer que Melancolia é o melhor filme de Trier até hoje, sem o exagero dos anteriores que se perdiam na intenção do diretor em querer chocar o publico. Melancolia é um filme esteticamente belo e simples, porém com a força emocional de um planeta inteiro.

    Mais um pra lista de filmes favoritos.

    Bjs,, Cam

    ResponderExcluir
  9. Pois foi beeemm o que senti tb, uma trombada de frente e muito bem pensada, dirigida, produzida, fotografada.
    Bjos

    ResponderExcluir
  10. Oi Camille!

    Dica anotada, minha "movie indicator" (rs) Depois te conto o que achei.

    beijos querida e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  11. Cam nao vi o filme ainda, mas por tua narracao aqui fiquei com vontade.
    É como a Biblia diz: viva o dia de hoje como se ele fosse o último. Só que para nós a ficha nunca cai de fato.

    Bjao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem toda razão Georgia. É o jeito que devemos viver. É preciso aprender rapido.Bjoss

      Excluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.