14 abril 2008

Kaisen

Felizmente essa palavra está vindo e voltando em meus pensamentos a toda hora: Kaisen. A palavra que os orientais tem e que nós nem nominamos. A possibilidade de a cada dia marcar um ponto, um pontinho que seja pelos nossos ideais, sem esperar que o resultado final, total, apareça de imediato. Isso tem muito de sabedoria, de paciencia e de disciplina dos orientais. Penso que dessa forma é mais fácil perseverar, do que a afobação de ser um campeão logo na largada. Como aquele garoto do Karatê Kid que primeiro aprende a pegar a mosca com dois palitinhos, no ar. Para depois de muito treino sim, ser um faixa preta, preciso, certeiro e justo.
Para mim esse conceito, Kaisen, tem sido um alento extremamente importante, vital. Esse ano já começou de forma brutal para mim. Precisei mudar todos os meus planos, trancar minha faculdade que eu estava tão feliz por que ia concluir no final do ano. Eu tirei 10 na monografia. Meus professores disseram que parecia uma tese de mestrado. Me convidaram para escrever artigos e ficou mesmo um trabalho dedicado, importante, pelo menos para mim. Mesmo assim, um ciclone atravessou a minha vida e me fez parar. Assim como ao meu curso de pós-graduação, de Psicanálise Hospitalar ( Diferente de Psicologia Hospitalar). Mas isso foi realmente o mínimo que me aconteceu. E olha que nos anos passados, lutei e fui vitoriosa contra muitas coisas que teriam arriado o mais valentão dos mortais. Tudo bem. Kaisen está ai para me provar que cada dia é um dia e eu levanto e ando. Que a cada dia vocês realizem um pequeno passo que seja em direção aos seus sonhos, as suas aspirações, as suas verdades. Beijos, Camille

PS: também não entendo nada de passarinhos, mas agradeço a boa vontade que tiveram em me dar opinião a respeito do assunto.

9 comentários:

  1. Oi Camille!

    Menina, você é forte e lutadora. Você chega lá, com certeza. Não perca o foco. nunca.

    beijo grande, estou sempre na sua torcida.

    ResponderExcluir
  2. Ai que Lindo Camila... qualquer um capaz de escrever coisas tao delicadas e ao mesmo tempo claras e decididas em breve mudará de Kaisen para VITORIA

    ResponderExcluir
  3. Que legal. Olha eu espero que você possa voltar e concluir seu curso. É um Kaisen agora não é? Tudo de bom para você.

    ResponderExcluir
  4. Cam eu sou a favor de uma plano de reducação alimentar. Como você mesma disse, já fez macrobiótico dua vezes e parou. Nós precisamos de um pouco de tudo, isto é, de todos os nutrientes. Um plano alimentar saudável é a melhor opção. VocÊ tem palno de saúde? Tem acesso aos serviços públicos de saúde? Talvez você possa encontrar uma nutricionista para conversar e ver o mais indicado para o seu caso. Eu digo isso, porque pessoalmente é melhor. Mas qualquer coisa estou a disposição. Bjks.

    ResponderExcluir
  5. PPRangel23:24

    Obrigado Camille, pela visita e por partilhar conosco este conceito.
    Muita sorte, saúde e sucesso pra vc!

    ResponderExcluir
  6. Camille,

    muitas vezes a propria vida nos pede uma pausa, para reorganização e, às vezes, redirecionamento. Não parece ser o seu caso. Apenas aproveite esta pausa, com essa consciência que tem, para retomar mais adiante e atingir suas metas e objetivos. Saúde, paz e sucesso.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo18:31

    Camille, acredito piamente nesta frase:" possibilidade de a cada dia marcar um ponto, um pontinho que seja pelos nossos ideais, sem esperar que o resultado final, total, apareça de imediato". Se não fosse assim não teria sentido, continue lutando ai pelas coisas que você realmente querer porque eu daqui continuo neste mesmo pisar de bola. Muito carinho e força em tudo.

    beijocas
    Ingrid

    ResponderExcluir
  8. Márcia(clarinha)22:55

    Minha flor,
    estou passando pra dar noticias, estou bem melhor e não fiquei viuva,rss, volto pra ler, ok?
    noite feliz flor
    beijos

    ResponderExcluir
  9. vanessa09:48

    Camile, em minha vida também tem sido assim parece que tudo estar desabando,mais tenho essa palavra comigo Kaisen sei que chegaremos lá.
    Não importa onde estamos mais sim onde queremos chegar,volta lgo pra suas atividades tá bom?

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.