07 setembro 2007

Coincidencia ou trajetória rica? As duas coisas talvez

Há um minuto atrás era hoje, mas agora já é ontem. Então, ontem me aconteceu uma coisa incrível: fui visitar um NAPS aqui de uma região de São Paulo. Fui com um colega e mais um professor de uma universidade X que não é a minha, mas que se prontificou a me apresentar o lugar. Tenho escrito sobre as politicas de saúde publica, coisas assim. Pra resumir tudo, quando chegamos lá encontrei um homem, negro, que me pareceu familiar talvez pelo jeito de falar, pela postura, pelo tipo de visão critica que tem, etc. De repente, percebi que ele é carioca. E saquei tudo: voce é carioca? Sou sim, de Realengo. Suburbão do Rio. Ai perguntei.. voce conhece ( um nome africano, nome de guerra de um amigo em comum que milita- que saudade dessa palavra- no Movimento Negro há anos. Conclusão: esse homem que me recebeu no NAPS é amigo do meu amigo do Rio e também de outro amigo que trabalha pela causa dos ex- alunos da FUNABEM que nao se inserem na sociedade. De ambos eu não ouvia fala há muitos anos. E foram eles justamente que abriram para mim todas as portas da crítica social de uma primeira pesquisa que eu fiz na vida. Fiquei muito emocionada. Achei uma coincidencia absolutamente incrivel. Mas percebi o quanto a minha trajetória de vida, as coisas que acredito tem coerencia. E credibilidade. Otimo pensamento para refletir no feriado. Beijos! Bom feriado para vocês. E que tenham otimas coisas para pensar sobre vocês mesmos, do quanto vocês todos que escrevem, se comunicam, querem passar uma mensagem e serem amigos, são maravilhosos. Adoro vocês.
Camille

18 comentários:

  1. PPRangel11:44

    Oi Camille, cá estou eu respondendo a sua gentil visita, com atrazo, como sempre. O feriado carioca está solar e quente, como se verão fosse. Veranico. Era este o nome que costumávamos dar aos intervalos calmosos nos invernos do passado. Estes constantes ir e vir, de calor e humidade, acabam com as minhas pouquíssimas defesas pulmonares, e me deixam com um fio de voz que se mostra insuficiente até para os microfones mais sensíveis. Fazer o que, não é mesmo? Mas gostaria de aconselha-la, se me permite, sobre o post anterior. Faço, fiz e farei dieta por todas as minhas vidas! E a regra mais infalivel que aprendi foi: não faça a coisa sozinha! A cumplicidade é um fator importantíssimo nestes casos. A minha esteira e a da esmagadora maioria dos meus amigos, acabou abandonada num canto da casa e transformada num incômodo e culposo cabide. Arranje uma companhia, um personal. Se não te agrada o ambiente de academia, faça em sua casa, ou vá pra rua. Mas não tente sozinha, pelo menos durante o primeiro ano. As primeiras semanas são as mais difíceis, mas paradoxalmente, as mais gratificantes ambém, pela cumplicidade e também pelos primeiros tímidos resultados objetivos. A partir daí a coisa começa a melhorar. Confesso que nunca fui posuído pelo tal "barato da endorfina" mas nos dias de hoje sinto falta quando não me exercito. Não se prive dos prazeres e seja feliz.
    Bjs,
    PP

    ResponderExcluir
  2. Amiga vc entende de arteterapia?Eu me apaixonei, estou feliz com essa descoberta ;)
    os CAPS e NAPS são projetos legais, mas infelizmente o governo não dá a atenção devida. Vc morava em q local do RJ? fazia trabalhos por aqui?
    Bjokas eamiga e bom feriado :)

    ResponderExcluir
  3. Bonita história. As coisas não acontecem ao acaso, não é?
    Camille, para TPM tome óleo de prímula, é natural e maravilhoso!!! conhece?
    vc nem vai perceber que a menstruação está chegando. Eu tomava dez dias antes da data prevista, tem gente que toma mais cedo.
    Bjs laura
    Força!!!

    ResponderExcluir
  4. Ai amiga quem dera ir para a Frnça...mas vamos ver no que dá ;)?! Eu quero é um francês...hehehe. Olha eu quero perder uns 3 kg mas se vc for lá no Koukla vai ver o que eu fiz para comer...vou logo avisando que tem a ver com chocolate...A nossa vida é assim né, cheia de coincidências abençoadas e maravilhosas. Um cheiro e bom domingo.

    ResponderExcluir
  5. Obrigado ´pela pequena parte que me toca. Tmabém adoro sua inteligência e o jeito de escrever.

    ResponderExcluir
  6. esse mundo é pequeno mesmo.
    desculpa a demora em responder...a dieta q faço é a de south beach. me passa seu email q eu te mando o q tenh a respeito, tá?
    o resultado é ótimo mesmo.


    ...... @@ ......... um abraço
    ....@(`;`)@........e um ótimo
    0==/--\\\\==0.....fim de semana
    ...../___\\\\...........
    ....._| |_...........beijossss

    ResponderExcluir
  7. Márcia(clarinha)20:56

    Que delicia saber que amigos ainda trabalham pela causa e ainda militam pelos necessitados, meu filho -doutorando em antropologia- durante um bom tempo ajudou ao movimento negro, sociabilizando crianças.
    lindos e felizes dias flor
    beijos

    ResponderExcluir
  8. não..falei q o munod é pequeno pq vc encontrou um amigo de um amigo seu...só isos..
    eu sou a Micha Descontrolada e só..heheh

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Cam!
    O mundo é pequeno mesmo...como diz minha mãe: "Se até as pedras se encontram"...o q dirá nós seres humanos.
    Coinscidëncia ou não este encontro estava escrito nas linhas do Universo e esperando somente a hora de acontecer :-) Fico contente por vc.
    Ah...qto ao post abaixo, eu AMO chocolate e como sem culpa pois sou daquele "tipo" q come tudo e não engorda :-) Metabolismo...genética...e por aí vai...rsrsrs
    Mas espero q vc tenha for§a suficiente p conseguir perder estes 5 kg q estão incomodando.
    O novo adress já deixo aqui na mensagem,ok? É só clicar q vc chega lá...rsrsr
    Bjos e bom domingo p vc
    Neuma

    ResponderExcluir
  10. O ontem e o hoje se juntando nos caminhos de nossas vida..Bom feriado!

    ResponderExcluir
  11. Cami estou no Brasil. Me escreve no hotmail

    ResponderExcluir
  12. O feriado já se foi (e foi bom demais), mas tuas palavras me fazem vir a tona pensamentos que sempre tive sobre pessoas que passam por minha vida... umas mais demoradamente, outras mais rápidamente e nem por isso menos intensas. Tudo que nos ocorre nos contrói mesmo que não tenhamos percepção no momento exato.
    Tudo nos soma mesmo quando nos sentimos enfraquecidos em relação a algo e tentados a suprir vazios com a gula... Tudo é aprendizado Camille.
    É preciso entender nossas fraquezas para aceitar as dos outros.
    Como mini conto foi delicioso. Como desabafo foi humano. Sentir a auto estima abalada é uma fraqueza que tem sua utilidade para que encaremos que nossos sonhos talvez não sejam iguais aos dos outros e nem por isto sejamos menos amados.
    Carinhos querida

    PS: se descobrires a fórmula de emagrcer sem sacrifício me avisa que também to precisada.

    ResponderExcluir
  13. Essas coisas que nos acontecem são tão boas, não? A gente fica um sorrisinho bobo, mas é muito bom.

    ResponderExcluir
  14. , você disse em quimeras que não era "entendida em poesias", mas é em sentimentos, e poesia sem sentimento não é poesia. então...
    , que legal este encontro teu com uma pessoa que representa sua trajetória e auxilia no compreender dela...
    , beijos meus.

    ResponderExcluir
  15. Oi Cam! Obrigada pelo seu comentário no meu blog! Seu incentivo me faz ter vontade de escrever sempre mais. Nem sempre tenho vontade de colocar textos longos lá no blog, mas sabendo que vc é leitora fiel, vou me animar. bjs e obrigada!

    ResponderExcluir
  16. Oi flor,
    é assim: as vezes acordo no meio da noite rascunhando e depois vou aparando arestas até que as palavras fiquem daquele jeitinho que dizem "meu". Daí busco a gravura, digito uma palavra chave do meu escrito num site de busca de imagem [temos maravilhas na net], e só então vou escolher a poesia da "caixinha azul" que pode ser de amigos ou poetas conhecidos. Pronto! Eis meu processo de trabalho, tudo feito com carinho.
    Respondi sua pergunta? rsss [tudo que escrevo eu sinto, isso eu garanto]
    dia lindo,flor
    beijos

    ResponderExcluir
  17. E quem diz que são coincidências? ;)

    Beijinhos do lado de cá.

    ResponderExcluir
  18. Camille!
    adorei seu comentário... eu fazendo da homenagem poesia?! lindo!
    e é assim que as pessoas vão fazendo morada em nossa vida!
    e sim, não há coincidências!
    bjs!

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.