10 dezembro 2006

O Ilusionista, Pinochet e outras coisas

1-Abro a internet pensando em escrever este post e alienada que estava, descubro que hoje é dia Internacional dos Direitos Humanos e também dia da morte de Pinochet que viveu 91 anos. Maldades e truculencia vai ver, dão longevidade. Claro que este é um comentario amargo. E nem poderia ser diferente, por tudo que sabemos que nossos irmãos chilenos viveram na mão desse ditador. Ha anos atras vi o documentario sobre o golpe que depôs Salvador Allende. O filme termina com a camera toda fora de foco e finalmente tudo preto. Mataram a metralhadora o cinegrafista e o cineasta. Já dá o tom daquela terrivel ditadura, tão parecida com a que vivemos aqui. Truculencia burrificante geradora inclusive do quadro que temos hoje: imaturidade, corrupção, pobreza, deboche. Enfim, que o mundo fique mais aliviado com menos um Pinochet. E que essa alma penada se ilumine no astral, em algum lugar do universo.
2- Ontem fui ver o Ilusionista. Filme muito, muito bom. O protagonista está fantastico embora no momento não me lembre o nome dele, acho esse cara genial e retiro o que eu disse uma vez aqui, que Leonardo de Caprio estava virando ator. Acho que a distancia entre este ator ATOR e o Leozinho é abismal e instransponivel. Não hei de contar o filme, apenas comentar que o ilusionismo, a mágica espetacular tem muito de metáfora com o que nós mesmos fazemos todos os dias para sobreviver. Como dizia a poesia " passarinho, ao cantar, cante baixinho". Senão é chumbo grosso. A gente tenta ser autentico, mas é bastante dificil sustentar a nossa propria transparencia nesse mundo tão cruel. Estou falando de observações que tenho feito e nao compartilhado com voces. Não dá. Mas cada um se identifica com as palavras do outro de alguma forma.
3- Agradeço a todos pelas dicas com relação aos links. Vou tentar seguir os passos da Luma para linkar voces.
Beijos e boa semana!

11 comentários:

  1. Camille, continue sendo autêntica isso sim é uma qualidadeeeeeeeeeeee, viu!!!!!

    beijocas
    quanto ao Pinochet, foi é tarde.

    ResponderExcluir
  2. Como o ser humano é complexo...
    Li que muitos chilenos choram a morte de Pinochet, não que eu ache que uma morte, seja lá de quem for, deva ser comemorada, mas eu pensava que, por tudo que ele fez, não devesse ter tanta gente assim chorando sua morte.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Edward Norton eh o nome do ator! Pelo menis eu acho que eh! Fui na Igreja do Cosme Velho sim! Eh muito linda! bjs

    ResponderExcluir
  4. Ai ai ai! Mais uma filme para minha lista!

    Camille: definitivamente você é a minha "personal movie indicator" (rs)...

    beijos querida e boa semana!

    ResponderExcluir
  5. Anônimo10:18

    Camille, o Pinochet fez juz aquela velha expressão: vaso ruim não quebra...
    Não deveria ter morrido ainda porque deveria ter pago por tudo o que fez, já que não passou um único dia na cadeia. Mas a justiça divina é maior...
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Faz tempo que não vou ao cinema, talvez este filme seja uma boa pedida para o final de semana.

    ResponderExcluir
  7. Oie...
    valeu pela visita...
    Bjokas

    ResponderExcluir
  8. OI Camille,

    Chega pra todo mundo, chegou pro Pinochet. Que se vaya!!
    Vou anotar a dica de filme.

    Beijos querida

    ResponderExcluir
  9. Boa dica! Vou assistir!

    Beijinhossssssss

    ResponderExcluir
  10. Fiquei abismada com tanta gente que chorou a partida desse homem :(
    Já me falaram desse filme e muito bem, agora vc reforça a indicação e lá vou eu assistir, obrigada flor
    linda noite
    beijosssssssssss

    ResponderExcluir
  11. Cara Camélia,

    O que te falaram sobre mim ou sobre minhas pretensões para contigo, que garanto são as melhores possíveis, a ponto de eu já haver feito várias visitas ao teu espaço e tu não te dignas até hoje a comparecer ao meu. Uma coisa eu te adiantaria: Você não vem fisicamente. Daí já estás isenta de qualquer contaminação por vírus, bactéria, ou coisa deste tipo, segundo é só um blog, é a nossa política, uns vão, às vezes sem saberem do que se trata só pelo fato de terem sido visitadas.

    Mas fiquê a la vontê. trad. venha se quizer!

    Um beijo,
    Naeno

    ResponderExcluir


COMENTE, DÊ A SUA OPINIÃO. Você é a pessoa mais importante para quem escreve um blog: aquela que lê, que gosta ou não gosta, e DIALOGA.
Bem vindas. Bem vindos. Você pode comentar, escrever seu nome e para facilitar, clicar na opção "anonimo", ou pode se inscrever e comentar. Acho a opção, que se coloca o nome e uma forma de contato, + a opçao anonimo, VALIDA. Grata e aguardo seu comentário.